Nostalgia Gamer | A real amizade de Donkey Kong Country

Vamos voltar a era de ouro da Nintendo e relembrar de um dos títulos que forjou a infância e juventude de muitos jogadores, Donkey Kong Country.

Por Adriano Ribeiro em 30 de outubro de 2014

DKC

Assopro o cartucho, me sento na cadeira e vou atrás dos capengas que roubaram minhas bananas novamente. Ouço o som da vitrola do bom e velho Cranky Kong, ele não espera minha chegada, do alto da casa na árvore eu chego agressivamente com um “beat” do momento, curto o som até o momento que Cranky explode meu rádio cassete.

Um sentimento indescritível é dito pelos amantes de Donkey Kong Country. Passar uma aventura completa na ilha DK realmente foi um momento memorável ao lado de Donkey Kong e Diddy Kong, dois primatas incríveis que marcou uma geração de consoles. Permita-nos relembrar um dos títulos que forjou a infância e juventude de muitos jogadores na era de ouro da Nintendo.

Na perseguição do ditator Kremling, K.Roll e seus capangas, o gorila de gravata Donkey Kong e seu melhor amigo, Diddy Kong, um chimpanzé que curiosamente usa chapéu vermelho e possui misteriosamente um rabo, vão atrás de seu alimento de ouro, as bananas. Em uma demonstração de um verdadeiro elo de amizade entre os dois primatas, a parceria é descrita como algo fundamental para o sucesso da aventura.

Não seremos somente dois primatas em busca das bananas roubadas, também teremos a ajuda de outros animais como Rambi, Squawks, Expresso, Engarde e Winky. Com cada aliado possuindo uma habilidade específica para aquele local, podemos quebrar paredes e passar por cima de todos com Rambi ou espetar nossos inimigos na água com o peixe-espada Engarde.

Toda a aventura é construída em uma jogabilidade 2D com excelentes gráficos, tendo personagens pré-modelados por completo em objetos 3D, o que fez a Nintendo dominar de vez o mercado de consoles na época contra a Sega. Além de um visual de fazer brilhar nossos olhos também tínhamos uma jogabilidade simples e objetiva que era construída por comandos básicos como dar cambalhotas, saltar e arremessar alguns barris.

donkey_kong

Já entramos em um cenário rico de detalhes visuais ao lado dos dois grandes personagens, mas algo que foi de grande importância para consolidar a entidade do game foi seu excelente trabalho de áudio. Em uma introdução memorável e uma trilha sonora de encher o ouvido, Donkey Kong Country nos deposita um grande sentimento, expresso por dois grandes primatas que nos transmite a real importância da amizade.

Comentários