Necropolis desafia os jogadores em seu labirinto procedural

Com proposta de gameplay em ação de terceira pessoa, Necropolis busca levar os jogadores a labirintos gerados proceduralmente em visual elegante e peculiar.

Por Adriano Ribeiro em 18 de março de 2015

necropolis02

Baseado em mecânicas dinâmicas de ação em terceira pessoa e dungeons geradas de forma procedural, Necropolis promete fazer o jogador morrer tentando sair da armadilha mágica que se reconstrói a sua volta. O título está sendo desenvolvido pelo estúdio do criador de Shadowrun, Jordan Weisman, a Harebrained Schemes.

O game gira em torno da história do archmage Abraxis, onde o complexo da Necropolis possui a maior coleção de itens mágicos e de tesouros do mundo. Sendo construído por magia, sua descrição revela que o complexo é maior por dentro do que por fora, resultado da armadilha mágica que reconstrói os labirintos pelo archmage.

A Necropolis é resultado da magia e das falhas de aventureiros passados que tentaram sabotar os tesouros, onde aventureiros que sucumbiram no passado tiveram seus cadáveres reutilizados como marionetes que agora buscam por intrusos. Após milhares de tentativas por diversos aventureiros, diz a lenda que Abraxis governa a Necropolis em seu trono de ônix.

Necropolis ainda não possui data de lançamento e foi confirmado para Windows, Mac e Linux, sendo que possíveis versões para consoles ainda não foram confirmadas.

Fonte: NecropolisGame

Comentários